Você está aqui: Página Inicial / Serviços / Ação Cultural / Eventos DeAC / XXIV Semana Nacional do Livro e da Biblioteca da UFSCar

XXIV Semana Nacional do Livro e da Biblioteca da UFSCar

por Divulgação BCo publicado 26/10/2017 11h40, última modificação 26/10/2017 16h25
A Semana Nacional do Livro e da Biblioteca apresenta diversas atividades durante a semana de 24 a 27 de outubro.
Quando 24/10/2017 a 09h00 a
27/10/2017 a 19h00
Onde Biblioteca Comunitária da UFSCar
Nome do Contato
Telefone do Contato 3351-8747
Adicionar evento ao calendário vCal
iCal

Programação da XXIV Semana Nacional do Livro e da Biblioteca da UFSCar - 2017.

Palestra - Introdução à Conservação de Papéis

Dia 24/10/2017 das 10h30 até 11h45

O evento vai abordar tópicos como preservação, conservação e restauro de papéis, além de critérios éticos essenciais e métodos de trabalho, com análise de obras e diagnóstico. A palestra será ministrada por Fernanda Mokdessi Auada, professora da Associação Brasileira de Encadernação e Restauro (Aber) e especialista em preservação de papéis. O público-alvo é formado por bibliotecários, estudantes de Biblioteconomia e Ciência da Informação, historiadores e demais profissionais interessados no tema. As inscrições são gratuitas e devem ser feitas por meio de preenchimento de formulário online, disponível em http://bit.ly/2x0iki0.

Local: Auditório do Centro de Educação e Ciência Humanas (CECH), localizado no Edifício de Aulas Teóricas - AT2, na área Sul do Campus São Carlos

Horário: 10:30

Mais informações: http://bit.ly/2x0iki0

Exposição: Ateliês Rosana Del Valle e Cláudia Mazza

A Biblioteca Comunitária da Universidade Federal de São Carlos (BCo-UFSCar), em São Carlos apresenta a exposição dos Ateliês Rosana Del Valle e Cláudia Mazza.

São trabalhos de variadas técnicas, como, óleo, aquarela, acrílica, guache, lápis de cor, mosaico e técnicas mistas, utilizando como suportes papéis, telas, painéis e objetos.

A mostra busca valorizar, incentivar e divulgar  o trabalho de artes visuais desenvolvido pelas professoras/artistas, que priorizam em seus ateliês a criação  sensível, técnica e prazerosa, possibilitando aos alunos conhecimentos de variadas técnicas para que  escolham e dominem variados materiais de expressão artística.

A cada ano escolhem um local diferente para a exposição, pois assim levam os trabalhos dos alunos a diferentes públicos, para que o enriquecimento aconteça de ambos os lados.

Local: Biblioteca Comunitária da UFSCar

Exposição Fotográfica: Majaná: los niños de Palenque

A Biblioteca Comunitária da Universidade Federal de São Carlos (BCo-UFSCar), campus São Carlos “Majaná: los niños de Palenque”. As fotos foram tiradas pelos estudantes da Universidade de São Paulo, Guga Carnicel e Gustavo Campos durante viagem feita pela Colômbia.

Palenque de San Basilio, ou simplesmente Palenque, é um povoado localizado a aproximadamente 50 km ao sul de Cartagena, o principal porto de entrada de mão de obra escrava na Colômbia colonial. Fundado por escravos africanos trazidos à região no final do século XVI, Palenque foi um dos numerosos quilombos existentes no período colonial e se destaca por ter sido um dos primeiros a se libertarem na América.
Palenque tem importância devido à sua rica trajetória de luta e resistência que permanece até os dias de hoje. De difícil acesso e longe dos holofotes turísticos que atingem grande parte da região, o povoado é praticamente ignorado pelo poder público e, portanto, marcado por uma infraestrutura bastante precária.  Nesse cenário, as crianças do povoado representam o símbolo da pura energia num ambiente totalmente desfavorecido pelo preconceito histórico ainda remanescente. Nos retratos, elas olham diretamente para o observador, eliminando a figura do fotógrafo. Os olhares sinceros transmitem um sentimento genuíno, característica intrínseca das crianças. 
Durante nossa passagem por Palenque, a alegria com que fomos recebidos pelos pequenos nos deixou sensibilizados. No início, quando planejamos a viagem, não tínhamos em mente que elas seriam as protagonistas dessa mostra. Assim, da língua palenquera surge o nome da exposição Majaná, cujo significado faz referência aos “niños” de Palenque.

Local: Biblioteca Comunitária da UFSCar

Lançamento do livro: “Apenas sendo artista - poesia em sonho”

No dia 27 de outubro Luciana Moretti - aluna de graduação do curso de Química da UFSCar - lançará no Teatro Florestan Fernandes às 17h o seu livro "Apenas sendo artista - poesia em sonho". Luciana, que também é bailarina, fará, concomitantemente ao lançamento do livro, uma apresentação de dança. 

Luciana estudou dança desde os cinco anos de idade, caminho, segundo ela, que lhe proporcionou o encantamento e o envolvimento gradual pela arte. Hoje é bailarina graduada em 2012 pela Unicamp. Durante essa formação que descobriu o gosto por escrever, quando teve que colocar em palavras um espetáculo de dança, o qual estava criando. Desde então, escreve para disseminar sentimentos e inspirações e neste livro resolve expor algumas de suas obras acumuladas e aprimoradas nesses anos. Atualmente no curso de Química na UFSCar, Luciana procura manter o equilíbrio entre a subjetividade da arte e a precisão das exatas. Um rumo que a leva a explorar mais as possibilidades da arte e a criatividade num mundo tão diferente do qual frequentava.

Data: 27/10/2017

Horário: 17h e apresentação de dança às 19h.

Local: Teatro Florestan Fernandes

Lançamento do livro: “A Dança Contemporânea da URZE Companhia de Dança”

Em 2016, a URZE Companhia de Dança comemorou 10 anos de existência, de trabalho incansável, de sonho, de luta e perseverança rumo a profissionalização artística da dança.

O livro “A Dança Contemporânea da URZE Companhia de Dança” da autora e dançarina Telma Cristiane Gaspari conta a trajetória do grupo nesses 10 anos de existência. O livro conta com depoimentos de vários artistas participantes dos trabalhos da Companhia. E apresenta fotos magníficas dos trabalhos. 

Data: 27/10/2017

Horário: 17h e apresentação de dança às 19h.

Local: Teatro Florestan Fernandes

 

Os eventos fazem parte da programação da XI Jornada Científica, Tecnológica e Cultural