Você está aqui: Página Inicial / Serviços / Blog +Leitura BCo / Virginia Woolf e a essência da tragédia

Virginia Woolf e a essência da tragédia

por Blog +Leitura — publicado 25/05/2018 08h00, última modificação 18/05/2018 16h30
Colaboradores: Camilla Teodoro (Estagiária/ DeRef)
Conheça a escritora que abalou as estruturas da literatura do século XX e disse tudo aquilo que ninguém se atrevia a dizer!

Escritora inglesa, contemporânea e dona de uma mente genial que a fazia sentir-se não pertencer a lugar nenhum, Virgínia Woolf foi uma das mais importantes figuras literárias do século XX. Aquariana nascida aos 25 de Janeiro de 1882, foi autora de obras que são estimulantes e inovadoras inclusive nos dias de hoje. A escritora dispunha de uma intensidade para viver os momentos e seus livros eram uma exposição de suas reflexões sobre a arte literária desde a liberdade de criação até o prazer da leitura.

 Figura 1 - Virginia Woolf

 

 Fonte: Harvard Theater Collection, Houghton Library, Harvard University, Public Domain

Virgínia teve apoio de sua família e do marido que era também escritor, que a ajudou a publicar seus romances, biografias, ensaios, cadernos de diários e cartas. A escritora ainda publicou suas reflexões sobre a condição feminina em 1929, onde, de forma revolucionária, conduz o leitor pelo labirinto de suas ideias com lógica, leveza e muita ironia, abordando com 50 anos de antecedência questões que verbalizam muito com o presente. Virgínia sofreu logo na adolescência a perda da mãe e na juventude a perda de um irmão e do pai, o que contribuiu para diversos episódios de depressão, até que ela se suicidou em 1941, deixando uma carta com lembranças de amor ao marido e à irmã. Como marca de sua passagem por aqui, nos deixou vários presentes em forma de palavras, então confira essas sugestões para conhecer melhor o legado desta figura genial.

1 - Orlando

 Figura 2  - Orlando

 

 

Fonte: Camilla Teodoro

Orlando é uma obra que se destaca das demais, sendo a exceção em que Virgínia não se utilizou dos latentes monólogos interiores como recurso principal. Neste livro, a escritora conta a história de um homem, que vive 200 anos em 36, experimenta as faces dos ĝeneros feminino e masculino e serve como ponte para a autora levantar a questão de gênero, em pleno ano de 1928. Virginia representa neste livro um homem que se torna mulher e passa a questionar as amarras que a sociedade coloca na felicidade das pessoas, ao passo em que após a mudança de gênero ele entende as dificuldades que rodeiam a vida das mulheres e se delicia com a dualidade  de poder ser o que quiser, sendo poeta, homem e mulher. O livro, além de estar carregado de críticas sociais, ainda faz reflexões sobre a arte de escrever e os processos por quais passam um escritor. Então, está esperando o que? O livro pode ser encontrado na BCo sob o código G 823 W913o.

2 - Os Diários de Virginia Woolf

Figura 3 - Os DIários de Virginia Woolf

 

Fonte: Camilla Teodoro

A escritora além de ter produzido todos os seus romances, contos, artigos, críticas e ensaios, também mantinha o hábito de escrever em seu diário, que mais tarde foi publicado e onde é possível conferir as intensidades da mente de Virgínia Woolf, suas reflexões, impressões, sentimentos, vontades e medos. Não quer perder a chance de se conectar com a autora? Então confira o livro, que pode ser encontrado na BCo sob o código G 920 W913d.

3 - Passeio Ao farol

Figura 3 - Passeio Ao Farol

 Fonte: Camilla Teodoro

Seguindo o estilo aparentemente desconexo de VIrgínia, o livro pode ser várias coisas ao mesmo tempo. Ele conta a história de um casamento e de uma infância. Fala sobre a dor da perda, a estrutura de classe inglesa e é uma expressão da ruptura radical com o vitorianismo. Tudo isso em uma única história. Se ficou curioso, venha conferir o livro, que pode ser encontrado na BCo sob o código G 823 W913p.

 

4 - Mrs. Dalloway

Figura 4 - Mrs. Dalloway

 

 Fonte: Camilla Teodoro

Toda a história se passa num único dia em junho de 1923, em que Clarissa Dalloway resolve ela mesma comprar flores para a festa que vai oferecer em sua casa na mesma noite. A partir daí, a história segue a personagem pelas ruas de Londres em ritmo cinematográfico, registrando ações, sensações e pensamentos. Em torno da personagem principal, gravitam outros personagens que vão dos mais próximos a ela, como seu marido, até mendigos que ela encontra na rua. A autora vai de um personagem a outro traçando com naturalidade os caminhos e interseções da vida que passam desapercebidos por nós no cotidiano. Passado e presente se intercalam na história de forma harmoniosa. A obra já foi considerada impressionista, contemporânea, um ensaio filosófico, um romance psicológico e até mesmo história de amor. Mas quem decide é você, leitor. Então por que não dá uma olhada? O livro pode ser encontrado na BCo sob o código G 823 W913m.

 

Contato

Para mais informações, entre em contato com Blog + Leitura da BCo pelo e-mail  blogmaisleitura.bco@ufscar.br ou pelo telefone (16) 3351-8135.

BCo nas Redes Sociais

Para receber periodicamente as informações sobre o que acontece na BCo, inscreva-se em nossos grupos do Facebook, de acordo com sua área de atuação e interesses:

Referências

DO KLICK EDUCAÇÃO. Virginia Woolf. 2005. Disponível em: <https://educacao.uol.com.br/biografias/virginia-woolf.htm>. Acesso em: 03 jan. 2018.

 

FERNANDA SAMPAIO CARNEIRO JIMÉNEZ (Brasil). Falando em Literatura. Resenha: Orlando, de Virgínia Woolf. 2017. Disponível em: <https://falandoemliteratura.com/2016/07/29/resenha-orlando-de-virginia-woolf/>. Acesso em: 16 fev. 2018.

 

O LEME (Portugal). Virginia Woolf: Biografia. 2003. Disponível em: <https://www.leme.pt/biografias/reinounido/letras/virginia.html>. Acesso em: 02 jan. 2018.

 

PORTO EDITORA (Ed.). Virginia Woolf: artigo de apoio infopédia. 2003. Disponível em: <https://www.infopedia.pt/$virginia-woolf>. Acesso em: 04 jan. 2018.

 

WOOLF, Virginia. Montaigne. In: WOOLF, Virginia. O Sol e o peixe. [s.l.]: Autentica, 2008. p. 18. Tradução de: Tomaz Tadeu. Disponível em: <http://files.biblioteca-espaco-digital1.webnode.com/200000152-45591474f4/O sol e o peixe - Virginia Woolf.pdf>. Acesso em: 03 jan. 2018.